4 Boas Práticas Para Acompanhar a Concorrência
  • Lu

4 Boas Práticas Para Acompanhar a Concorrência

"Analisando o que empresas parceiras e principais concorrentes fazem, você verá que terá uma quantidade imensa de novos aprendizados que receberá, tanto devido aos acertos, mas também aos erros cometidos por eles." - Ciro Falcão

Quando um cliente recebe uma proposta de uma empresa, é muito comum que ele compare essa proposta recebida com propostas da concorrência. Dessa forma, ele acredita que irá conseguir tomar a melhor decisão para ele.

Essa prática é extremamente comum. E se nossos potenciais clientes ficam de olho em nossa concorrência, faz muito sentido que também fiquemos de olho, certo?


Afinal, quando você acompanha a sua concorrência, você consegue descobrir qual é a sua posição no mercado, se o seu preço faz sentido, se as entregas do seu produto/serviço são de boa qualidade, como se comunicar da melhor forma com as pessoas, o que o seu público quer acessar, entre outros.


Logo, podemos concluir que é fundamental que uma empresa acompanhe sua concorrência de forma constante.


Nesse sentido, esse artigo tentará te ajudar ao mostrar 4 boas práticas que você pode adotar para acompanhar melhor a sua concorrência.


Vamos nessa?



1) Defina e revise as empresas que fazem parte da sua concorrência


Para acompanhar a concorrência precisamos primeiro saber quem faz parte dela. Logo, definir isso é a primeira coisa que você deve fazer.


O problema é que novas empresas surgem o tempo todo e, com isso, novos concorrentes podem surgir. Da mesma forma, uma empresa que antes era sua concorrente pode decidir mudar sua estratégia ou pode perder sua força ou pode até mesmo falir.


Logo, podemos concluir que é necessário revisar quem faz parte da sua concorrência de tempos em tempos.


Minha sugestão? Faça essa revisão mais ou menos a cada 3 meses, beleza?



2) Compare as entregas, o preço e as condições oferecidas


Esses são os 3 pontos onde a maioria das empresas gosta de criar algum tipo de diferencial atrativo. Logo, fique atento a todos eles!


Compare as entregas do seu produto ou serviço com as entregas dos seus concorrentes: Quem entrega mais coisas? Quem entrega com mais qualidade? Quem gera mais resultados?


Compare também o seu preço com os preços dos seus concorrentes: Quem tem o menor preço? Quem tem o maior preço? Quem tem a melhor relação custo/benefício?


Por fim, compare também as condições oferecidas: Quais são as garantias da concorrência? Quem entrega mais rápido? Quais são as condições de pagamento da concorrência?


Tendo respondido todos esses questionamentos, você deve analisar possíveis alterações a serem feitas em sua empresa. Apenas tome cuidado para não "copiar" a concorrência apenas por copiar (ex. Uma empresa pode ter o menor preço por entregar coisas com menos qualidade do que a sua empresa, então talvez não faça sentido você mudar seu preço nesse caso).



3) Siga e acompanhe seus concorrentes nas mídias sociais


Seguir seus concorrentes nas mídias sociais é algo super importante.


E mais do que segui-los, é preciso acompanhá-los. Tome o cuidado de verificar pelo menos uma vez por dia o que a sua concorrência está dizendo para quem os acompanha.


Procure reparar também quais são os principais conteúdos e termos utilizados pela concorrência. É bem provável que o que gera engajamento para eles também gere engajamento para você!


Não se esqueça também de verificar as hashtags que eles usam, os anúncios que eles fazem, os call to actions que eles escolhem, etc. Você pode aprender muito olhando esse tipo de coisa (aprender tanto o que funciona quanto o que não funciona).



4) Fique de olho nas ações da sua concorrência


Pode ter certeza que muitos concorrentes seus desenvolvem uma série de ações ao longo do ano com o objetivo de melhorarem suas vendas.


Ações promocionais, ações de engajamento, ações de experimentação... São muitas as possibilidades.


E vale muito a pena você procurar saber quais são as ações que a sua concorrência geralmente executa.


Dessa forma, você pode descobrir quais geram melhores resultados e podem ser adaptadas para o seu negócio.



Bom, por hora é isso. Para finalizar, vamos relembrar as 4 boas práticas que você pode adotar para acompanhar a sua concorrência:

1) Defina e revise as empresas que fazem parte da sua concorrência

2) Compare as entregas, o preço e as condições oferecidas

3) Siga e acompanhe seus concorrentes nas mídias sociais

4) Fique de olho nas ações da sua concorrência


E aí, curtiu o texto? Já identificou seus principais concorrentes? Já acompanha seus concorrentes de alguma forma? Deixe suas impressões nos comentários!


Escrito por Henri de Paiva. Sócio da Lumière.

#Concorrência #Referências #Comparação


8 passos para aumentar suas vendas de forma agressiva

  • Instagram - White Circle
  • Facebook - Círculo Branco
  • YouTube - Círculo Branco

© Lumière. Criado com carinho.